ADEOP

Equipe da ADEOP capacita-se em Agricultura Biodinâmica

14/08/2015 10:04:41

Não utilizar agrotóxicos ou adubos químicos, empregar preparados com plantas e cristais e observar aspectos astronômicos são algumas das medidas adotadas pela agricultura biodinâmica, uma agricultura diferente que começa a ganhar os campos brasileiros.

Pedro Volkmann, à frente da capacitação, com experiência de anos na área, defende que é possível manter uma escala industrial adotando posturas biodinâmicas e salienta que várias hortaliças produzidas dessa forma já se encontram no mercado. No Brasil, o biodinâmico é muito comparado e confundido com o orgânico, mas em nações como a Alemanha ele consegue obter um preço superior.

Um fator que diferencia as duas agriculturas são os preparados, que são fórmulas feitas, entre outros ingredientes, com esterco de gado, cristal de quartzo, e plantas como camomila, urtiga e carvalho, materiais usados de maneira homeopática. É empregada uma quantidade bem pequena, tanto para a adubação do solo quanto na maturação das plantas. Também são utilizados os ritmos astronômicos. Para isso, é adotado um calendário astronômico-agrícola baseado, principalmente, nas fases da lua. Esses períodos influenciam a produtividade, determinando os momentos adequados de plantio e colheita.

O contexto do curso de Introdução a Agricultura Biodinâmica, é estimulado pela Itaipu Binacional, com apoio e participação das entidades de ATER da região. O projeto visa capacitar o corpo técnico que atuará na agroecologia dos contratos com o MDA e o INCRA.

O resultado obtido com o primeiro encontro foi um relato das atividades e experiências com plantas e suas características, ciclos, tamanho, forma, a biodinâmica e o uso do calendário, os preparados, introdução à Agricultura Orgânica e a preocupação com as plantas daninhas.

Esperamos compreender a relação do solo, água, ar e todos os indivíduos participantes no sistema, para integrá-los e tornar a produção de alimentos sustentável e sadia.

O curso está dividido em quatro módulos, o 1º módulo foi realizado dia 24 de março de 2015 e o segundo em abril, dia 29.  Em breve serão marcadas as datas para sequência do 3º módulo do curso. O local de realização é na Estação Experimental Pro. Alcibiades Luiz Orlando, no município de Entre Rios do Oeste-PR.

Maiores informações podem ser obtidas com o Engenheiro da ADEOP, Lincoln Villi Gerke, pelo e-mail: lgerke68@agronomo.eng.br, skype: lgerke68 ou telefone: (45) 9963-2074.

 

Leia também

11/09/2015 14:41:09

Workshop de Alternativas Sustentáveis para Agricultura de base Familiar

14/08/2015 10:37:58

Agroecologia

14/08/2015 10:04:41

Equipe da ADEOP capacita-se em Agricultura Biodinâmica

13/08/2015 17:06:21

Projeto Mais Gestão

13/08/2015 16:40:41

INCRA


Social